Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Syscoin Commerce

Vende pela internet? Então prepare seu negócio para a Black Friday

Redação

Publicado

Foto/Imagem: Getty Images


Segue a gente no
Google News

Historicamente, a Black Friday (27 de novembro) nasceu no varejo tradicional, sendo praticado nas lojas físicas. Porém, com a pandemia do novo coronavírus que orienta que o público evite os lugares fechados, este ano é esperado que essa grande campanha de vendas seja a mais forte no ambiente online dos últimos tempos, sendo bastante tendenciosa para o ambiente virtual.

Uma pesquisa realizada pela Rakuten Advertising, revelou que 87% das pessoas querem ir às compras para o Natal e que 57% consideram participar da Black Friday neste ano. Além disso, o estudo revela que 86% desejam fazer suas compras pela internet. Logo, os varejistas podem surfar na onda das plataformas de vendas online e os marketplaces.

Para o empresário que aproveita esse momento em que a população deseja realizar seus grandes sonhos de consumo aproveitando os descontos vigentes, é chegada a hora de colher frutos dessa onda de consumo, mas em um novo cenário, isso porque o isolamento social acelerou o número de pessoas comprando online por uma questão de necessidade.

Segundo o CEO da Syscoin Commerce, Hugo Cândido a estimativa é que haja um crescimento 50% maior nessa Black Friday, em relação ao ano passado. E para isso, será preciso fazer ajustes na infraestrutura para suportar o volume de tráfego que será gerado.

Para colher bons frutos, Hugo apresenta orientações de como as empresas podem ter êxito nessa grande ação de vendas. “Minha sugestão é para não aproveitar apenas o dia da Black Friday, mas sim o mês inteiro, criar uma esteira de promoções para ir aquecendo seu público e deixar a melhor oferta para o grande dia”, defende.

Para Cândico, a Black Friday pode favorecer não somente as grandes empresas, sendo uma seara de oportunidades para o pequeno e médio negócio.

Com o boom do comércio eletrônico, onde mais de um milhão de brasileiros compraram online pela primeira vez nesta pandemia, é o momento de investir nessa forma de consumo que veio pra ficar.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2015-2020 AVB - AO VIVO DE BRASÍLIA - Todos os Direitos Reservados. CNPJ 28.568.221/0001-80 - Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços de notícias de agências nacionais e internacionais, assessorias de imprensa e colaboradores independentes. #GenuinamenteBrasiliense