Curta nossa página

Até quinta-feira

Últimos dias para matrículas na rede pública de ensino do ano letivo de 2016

Publicado

Foto/Imagem:


Termina nesta quinta-feira (4) o prazo para matrícula na rede pública de ensino do ano letivo de 2016, que deverá contar com cerca de 470 mil estudantes. Para garantir a vaga das inscrições feitas pelo telefone 156, além daquelas de quem pediu remanejamento escolar e de quem vai trocar de nível, os responsáveis devem apresentar a documentação (veja a lista abaixo) na unidade em que o aluno frequentará as aulas.

As vagas remanescentes — vindas da não efetivação de matrícula de quem fez a inscrição pelo 156 — serão ofertadas de 15 a 19 de fevereiro, apenas para quem não fez a inscrição por telefone e para aqueles que a fizeram e perderam a vaga por não terem comparecido, até o dia 4, à escola na qual o aluno foi contemplado.

A lista será divulgada no balcão de cada escola, onde os responsáveis devem fazer a matrícula, por ordem de chegada. O ano letivo começa em 29 de fevereiro.

Quanto à educação infantil, de 4 a 5 anos, a Secretaria de Educação, Esporte e Lazer divulgou em janeiro a abertura de mais 246 vagas. Também até 4 de fevereiro, 39.834 dos 42.309 inscritos pelo telefone no fim de 2015 podem fazer a matrícula nas escolas indicadas. Com relação aos 2.475 estudantes ainda não contemplados, também dessa faixa etária, a secretaria informa que fará as chamadas ao longo de 2016.

Veja o telefone de cada uma das 657 escolas para consultar o horário de funcionamento de cada secretaria.

Documentação para efetivar a matrícula

Educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos (EJA): original e cópia da certidão de nascimento, duas fotos 3×4, comprovante de residência e informações sobre tipo sanguíneo e fator RH. No caso de menores de idade, o responsável deverá apresentar RG e CPF.

Também é obrigatória a apresentação de:

Educação infantil: cópia do cartão de vacina atualizado.

Ensino fundamental: declaração provisória de matrícula, histórico escolar ou ficha individual do estudante (séries/anos finais).

Ensino médio: declaração provisória de matrícula ou histórico escolar.

EJA: declaração provisória de matrícula ou histórico escolar. Caso a documentação esteja incompleta ou inexistente, deverão ser seguidos os procedimentos administrativos apontados no Manual da Secretaria Escolar 2010.

Atualizado em 02/02/2016 – 21:58.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana