Curta nossa página

Governador cobra dos distritais maior celeridade na votação de projetos para aumentar receita

Publicado

Foto/Imagem:


O governo enviou à Câmara Legislativa nas últimas semanas uma série de matérias que visam o aumento de receita. Na manhã desta segunda-feira (9), o governador Rodrigo Rollemberg voltou a se reunir com deputados distritais para pedir celeridade na votação dos projetos, principalmente daqueles que não preveem aumento de alíquotas. O encontro ocorreu na Residência Oficial de Águas Claras e teve a presença de parte do secretariado.

Entre os projetos enviados, Rollemberg destacou o que se refere aos Jogos Olímpicos Rio 2016. O texto regulamenta a participação do Distrito Federal como uma das sedes do torneio. “Essa é uma competição que nos trará muitos benefícios, e a maioria dos investimentos já foi feita”, disse, referindo-se a benfeitorias que Brasília teve quando foi uma das unidades da Federação a receber partidas da Copa do Mundo Futebol, em 2014.

A presidente da Câmara Legislativa, a deputada Celina Leão (PDT), disse que os parlamentares se esforçarão para votar o texto na terça-feira (10). A expectativa, segundo ela, é que o conteúdo seja aprovado.

Os Jogos Olímpicos de 2016 ocorrerão de 5 a 21 de agosto, e Brasília receberá dez partidas de futebol — sete masculinas e três femininas. Para isso, o DF precisa entregar até o dia 16 a matriz de responsabilidade ao comitê olímpico para assumir compromissos, como a garantia de segurança e de disponibilidade de campos de futebol para treino das seleções. “São questões que precisam do aval dos deputados distritais”, acrescentou Rollemberg.

Venda de terrenos
A ideia é que, nas próximas semanas, projetos como o que autoriza o Executivo a vender 32 imóveis da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap) — PL nº 38 — sejam apreciados e aprovados. “A prioridade são as matérias que não aumentam impostos e que são importantes no ponto de vista de capacidade de arrecadação para que o DF consiga pagar o reajuste salarial em outubro de 2016”, disse o governador ao fim da reunião. Rollemberg também citou como prioridade a venda de propriedades da Sociedade de Abastecimento de Brasília (Sab), que está em processo de liquidação.

Sobre esses projetos enviados pelo Executivo, Celina reconheceu a necessidade de a Câmara acelerar a aprovação de medidas que aumentem a receita sem impactar no bolso do contribuinte.

Mariana Damaceno, da Agência Brasília

Atualizado em 09/11/2015 – 16:15.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana