Curta nossa página

Apagão

Queda de energia destrói material usado em pesquisa de alunos da UnB

Publicado

Foto/Imagem:


Estudantes de pós-graduação em Ciências da Saúde da Universidade de Brasília (UnB) afirmam que perderam quatro meses de trabalho em uma pesquisa sobre câncer por causa da queda de energia no campus de Ceilândia. Segundo os alunos, o corte no fornecimento impediu que células da doença que eram mantidas em um freezer pudessem sobreviver.

A UnB informou que comprou dois geradores de energia, mas que ainda precisa fazer a licitação para contratar a empresa que vai instalar os equipamentos. A previsão é que os aparelhos estejam em funcionamento no segundo semestre deste ano.

O campus de Ceilândia ficou uma hora sem energia nesta segunda-feira (4). A interrupção foi suficiente para pôr fim às pesquisas, dizem os alunos.

Uma estudante postou um desabafo em uma rede social. “Perdemos todas as nossas amostras em tratamento. Meses de trabalho, dedicação, dinheiro, agora na lata do lixo”, afirmou.

Quem estuda no local diz que que os apagões são frequentes na universidade. O aluno Fernando Ricardo afirma que não é possível estudar no local sem energia. “A gente de farmácia precisa de energia para trabalhar em laboratório, com aparelhos de espectrofotometria, microscópios, entre outros.”

“Uma vez a gente ficou até sem aula e prova por causa da falta de energia que teve aqui. Foi uma manhã inteira sem energia”, diz a estudante Andresa Augusta de Oliveira.

Atualizado em 07/01/2016 – 10:05.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana