Curta nossa página

No domingo (12), também

Passe livre será liberado neste domingo (5) para alunos que vão fazer o Enem

Redação

Publicado

Foto/Imagem:


Segue a gente no
Google News

Cibele Moreira e Guilherme Pera

O Passe Livre Estudantil será liberado para uso neste domingo (5) e no próximo (12) em razão do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os estudantes que forem fazer a prova e precisarem utilizar o transporte público terão acesso gratuito pelo sistema.

Normalmente, o cartão é bloqueado fora dos dias letivos. Além da liberação, o Transporte Urbano do Distrito (DFTrans) reforçará algumas linhas de ligação entre as regiões administrativas para quem for à prova fora do local onde mora.

Os ônibus circularão com a escala de domingos e feriados, de 40% da frota, com possibilidade de aumentá-la nos horários de pico, a partir das 12 horas — quando os portões das escolas se abrem para o Enem — e das 18 horas.

“São cerca de 30 linhas que vão receber o reforço, além das que operam normalmente aos domingos”, ressaltou o secretário de Mobilidade, Fábio Damasceno, em entrevista coletiva no Palácio do Buriti na manhã desta sexta-feira (3).

O metrô também funcionará em horário especial no dia 5. Os trens serão operados das 8 às 20 horas. Normalmente, a frota circula das 7 às 19 horas, período de operação que será mantido no segundo domingo de prova. O exame do Enem termina às 19 horas no dia 5 e às 18 horas no dia 12.

“Os estudantes devem chegar com antecedência, pois o trânsito fica congestionado nos arredores dos locais de prova. Após as 13 horas, os portões não abrem novamente”, enfatizou o secretário de Educação, Júlio Gregório.

A mudança visa atender aos usuários que ficarem até o final do exame nacional. Escolas que passam por racionamento receberão água de caminhões-pipa.

Neste ano, o Enem será feito em dois domingos seguidos — 5 e 12 de novembro — e não mais apenas em um final de semana. A decisão ocorreu após consulta pública.

No Distrito Federal, haverá 167 pontos de provas, sendo 120 escolas públicas e as quatro unidades do Instituto Federal de Brasília (IFB) cedidas para a aplicação da prova. Ao todo, 125 mil estudantes vão fazer o Enem no DF.

Um total de 17 escolas em Planaltina, outras 17 em Sobradinho e duas em São Sebastião vão estar em período de racionamento e serão reforçadas com água potável de caminhões-pipa no sábado (4).

Simulados e aulões na preparação dos inscritos

Com o programa #BoraVencer, a Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude preparou cerca de 20 mil alunos para o Enem. Foram cinco encontros com aulas de histórias, ciências naturais, matemática e redação.

A expectativa da pasta é que, neste ano, mais de mil estudantes do Distrito Federal passem para universidades públicas com a nota do Enem. No ano passado, 759 conseguiram uma vaga no ensino superior.

A Secretaria de Educação também promoveu um simulado em agosto. O evento contou com a participação de aproximadamente 18 mil estudantes do terceiro ano do ensino médio e da educação de jovens e adultos (EJA).

Um efetivo de 350 policiais militares vai trabalhar na operação de segurança do Enem. As ações começam cedo, com a escolta na distribuição das provas. Além disso, haverá viaturas nos 167 pontos de prova.

“Pela manhã, nossas equipes buscarão as dos Correios e farão juntas a distribuição nas escolas. À noite, acompanharemos o recolhimento e as acompanharemos até o aeroporto”, explicou o comandante-geral da Polícia Militar do DF, Marcos Antônio Nunes.

Após a preparação ao longo do ano, a Gerência de Programas e Projetos Especiais da Secretaria de Educação alerta os candidatos para os seguintes pontos importantes:

1- Local de prova – Verifique se a instituição em que fará a prova só tem uma unidade. Muitos estudantes confundem os locais e acabam parando em unidades erradas. É importante consultar o percurso que fará nos dias de aplicação do exame, de acordo com o transporte escolhido. Se puder, visite o local com antecedência.

2- Atenção para os horários – Nos dias do Enem, os portões de acesso aos locais de prova serão abertos às 12 horas e fechados às 13 horas, de acordo com o horário oficial de Brasília. Recomenda-se chegar ao local da prova até as 12 horas.

3- Identificação do participante – É obrigatória a apresentação de via original de documento oficial de identificação com foto para fazer as provas.

4- Para a prova – O estudante tem que levar caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

Comments

Realizados em 2019

Banco de Brasília vai prorrogar vigência de concursos por um ano

Redação

Publicado

Por

Redação
Foto/Imagem: Quinho/AVB

O Banco de Brasília (BRB) prorrogará, pelo período de 12 meses, o prazo de validade dos seus três concursos públicos realizados no ano passado.

A decisão está prevista nos editais (CP 29, CP30 e CP 31) e será publicada no Diário Oficial do DF (DODF) na próxima semana.

Com a prorrogação, as validades dos concursos passam a ser de 23.11.2021, para os cargos de escriturário; 30.11.2021, para os cargos de Analista de Tecnologia da Informação, Engenheiro de Segurança do Trabalho e Médico do Trabalho; e 21.12.2021 para o cargo de Advogado.

Neste ano, o Banco já chamou duas turmas de concursados aprovados – a primeira tomou posse dia 27.04, e a segunda, em 15.06. Já foram convocados, no total, 70 escriturários, 8 advogados, 21 analistas de TI e 1 engenheiro do trabalho.

Por conta da pandemia da Covid-19, todos os novos empregados convocados participaram de processo de onboarding digital, e já estão em plena atividade em suas funções.

“A decisão pela prorrogação da vigência dos concursos mostra o cuidado do Banco com as pessoas, um dos pilares da nossa gestão, e é coerente com nosso plano estratégico de expansão”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

Continuar lendo

De segunda a sexta

Cidadão ganha novo canal (chat) de comunicação com a Terracap

Redação

Publicado

Por

Redação
Foto/Imagem: Borowskki/AVB

O brasiliense tem agora novo canal de comunicação com a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), o chat online. Pela ferramenta, o cliente poderá ser atendido de forma ágil e simples, acessando o portal da empresa. A solução é implementada em tempos de pandemia, permitindo que haja acesso à Agência de forma remota, uma vez que o atendimento presencial está suspenso. O atendimento pelo chat será realizado todos os dias úteis, das 7h às 19h.

De acordo com a chefe da Divisão de Atendimento ao Cliente da Terracap, Maria do Amparo Vilela, a nova ferramenta tem como como objetivo trazer mais agilidade nas respostas da Terracap junto ao cliente. “Além disso, é a forma que a Terracap encontrou para criar proximidade maior com o cidadão, para que todos sejam atendidos e que ninguém fique prejudicado nesse período de distanciamento social”, reforçou.

A nova ferramenta pode ser acessada pelo usuário por meio da opção Atendimento ao Público – Chat Online, disponível no canto inferior esquerdo do site da Agência. Em uma nova aba aberta pelo navegador, o cliente é redirecionado para outra tela, onde precisa se identificar, colocando e-mail e nome para seguir com o atendimento.

Caso haja alta demanda em determinado momento, o usuário será direcionado para uma fila. Neste caso, saberá quantas pessoas estão na fila e o tempo aproximado para ser atendido.

Continuar lendo

Decreto 40.939

GDF anuncia reabertura de bares e escolas a partir de 15 de julho

Redação

Publicado

Por

Redação
Foto/Imagem: Arquivo/AVB

O Governo do Distrito Federal (GDF) anunciou nesta quinta-feira (2) cronograma de nova flexibilização das medidas de distanciamento em relação à pandemia do novo coronavírus com a autorização de funcionamento de diversos tipos de comércio e volta às aulas. As medidas foram oficializadas pelo Decreto 40.939.

Pelo cronograma, na próxima terça-feira (7), voltam a funcionar salões de beleza, barbearias, centros estéticos e academias. No dia 15 de julho, poderão abrir bares e restaurantes. O DF já havia liberado diversos tipos de comércio, como lojas de móveis, por exemplo.

Nesses estabelecimentos, não haverá mudança nos horários, como em várias outras cidades do país. Apenas os bares e restaurantes não poderão ter música ao vivo, bem como a realização de eventos.

Obrigações

Foram elencadas obrigações de saúde como garantia do distanciamento entre os clientes de pelo menos dois metros, utilização de equipamentos de proteção individual, revezamento de trabalhadores, proibir nas equipes pessoas do grupo de risco, disponibilizar álcool em gel 70%, higienização dos estabelecimentos e banheiros, uso de máscaras de proteção facial e aferição da temperatura de trabalhadores e clientes.

O decreto também instituiu a volta das aulas presenciais. No dia 27 de julho, entram no cronograma de reabertura as escolas, universidades e faculdades da rede privada.

Em 3 de agosto, ficam autorizadas as instituições de ensino da rede pública. Para estas, haverá um retorno gradativo, começando com as do ensino médio e indo para as séries inferiores, até chegar ao infantil. As creches são proibidas de abrir por determinação judicial.

O GDF anunciou, ainda, que distribuirá máscaras e garrafas de água aos alunos. Além disso, fará a testagem dos trabalhadores da educação.

Continuar lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2015-2020 AVB - AO VIVO DE BRASÍLIA - Todos os Direitos Reservados. CNPJ 28.568.221/0001-80 - Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agências Internacionais, assessorias de imprensa e colaboradores independentes. #FakeNewsNão