Curta nossa página

Futebol europeu

Parceria entre Messi e Mbappé começa a dar frutos… mas e Neymar?

Publicado

Foto/Imagem: Divulgação


A saída de Lionel Messi do Barcelona e a sua chegada ao Paris Saint-Germain sem dúvidas foi um dos principais assuntos da última janela de transferências do futebol europeu. E apesar do seu passe não ter trazido grandes custos para os cofres do clube francês, seus vencimentos chegam a 35 milhões de euros por temporada. E mesmo sendo um dos melhores jogadores da história e ter desembarcado em Paris ainda em agosto, o seu primeiro gol pela nova equipe só saiu no finalzinho de setembro, em uma partida válida pela Champions League.

Pode-se dizer que o gol foi no melhor estilo Messi, já que o craque que agora veste a camisa 30. Ele conduziu a bola pela intermediária, fez uma tabela com Mbappé e finalizou com perfeição para vencer o goleiro Ederson. Dessa forma, o argentino ajudou o PSG a selar sua vitória contra o Manchester City por 2 a 0, o mesmo City que desclassificou o clube parisiense na temporada passada da Champions League nas semifinais.

Assim que conseguiu balançar as redes, Messi comemorou apontando para Mbappé, reconhecendo o passe do jovem francês. Mas, infelizmente, o brasileiro Neymar ainda não parece estar na mesma sintonia dos outros dois astros do ataque do PSG, perdendo algumas oportunidades claras de gols, não conseguindo realizar os mesmos dribles de outrora e tendo uma certa dificuldade em realizar passes em profundidade. Ainda assim, os jogadores parecem se dar bem, e logo após a partida, os três aparecem juntos em uma foto no vestiário comemorando nas redes sociais.

O zagueiro brasileiro, Thiago Silva, que atualmente defende o Chelsea, respondeu ironicamente a postagem: “Espero não te encontrar em breve. Deus me livre”. Esse é um claro reconhecimento e um lembrete aos demais competidores europeus do impressionante poder de fogo que Paris Saint-Germain tem em mãos. O time parisiense tem todo o potencial possível para ser desbloqueado, mas precisa que o seu craque das últimas temporadas, Neymar, volte a acertar seu bom desempenho dentro de campo. Vale lembrar que 2021 foi um ano de várias pequenas lesões para um brasileiro, e seu único gol até agora na temporada foi sobre o Lyon, de pênalti.

Má atuação contra o City

Mesmo sem tanta tradição em competições europeias, é impossível não dizer que o Paris Saint-Germain é um dos favoritos a levar a Champions League para casa. E esse favoritismo é expressado tanto pelos torcedores quanto pelos apostadores, que no Brasil têm feito o uso dos bônus sem depósito oferecidos pelas principais plataformas de apostas atuantes no país para aumentarem seu saldo e assim poderem realizar um maior número de palpites nos principais eventos esportivos do globo, incluindo grandes torneios de futebol como a Champions League a Libertadores.

E mesmo saindo com a vitória sobre o ótimo time montado por Guardiola, a atuação em campo de Neymar deixou a desejar. O baixo desempenho do brasileiro já podia ser notado nos jogos anteriores das temporadas, mas ao enfrentar um adversário do mais alto nível, como o time inglês, aquela sensação de que algo não está certo com o camisa 10 ficou ainda mais evidente.

O brasileiro se esforçou bastante dentro de campo, voltando para marcar e fazendo um bom trabalho tático, no entanto fez algumas jogadas esquisitas ao longo da partida, que em certos momentos colocou a defesa do PSG em apuros. Em um dos lances do jogo, ele perdeu uma bola a uns 40m da meta da sua equipe, com isso Kevin De Bruyne acertou um arremate que passou a poucos centímetros da trave.

Durante a partida, Neymar cometeu outros erros que não são do feitio e a imprensa mundial voltou a cobrar o craque. Com isso, o brasileiro parece ser aquele que tem sofrido e sentido a maior pressão do trio dos sonhos do PSG. E para alguns, a melhor jogada de Neymar nesta temporada até o momento foi convencer Messi a vir jogar no Paris Saint-Germain.

Atualizado em 12/10/2021 – 12:11.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade