Curta nossa página

Memorial do TJDFT recebe a partir desta terça a exposição “Lambe-Sujo X Caboclinho”

Publicado

Foto/Imagem:


O Memorial TJDFT – Espaço Desembargadora Lila Pimenta Duarte recebe, de 24/11 a 11/12, a exposição de fotografias “Lambe-Sujo X Caboclinho”, do fotógrafo Márcio Garcez. A abertura será nesta terça-feira, 24/11, às 16h30. O evento tem curadoria de Ézio Deda e Mario Britto.

A exposição traz registros da festa do Lambe-Sujo, que acontece anualmente no segundo domingo de outubro em Laranjeiras, Sergipe, a 23km da capital Aracaju. Trata-se de uma manifestação folclórica que representa a luta entre negros (escravos dos quilombos) e índios – os caboclinhos – usados pelos brancos na captura de escravos fugitivos e destruição dos quilombos.

Na encenação, os “lambe-sujos” se pintam com tinta xadrez preta, melaço de cana, e se vestem com calções e gorros vermelhos. Como arma, usam foices de madeira, em alegoria ao instrumento de trabalho usado nos canaviais. Já os “caboclinhos” se pintam de tinta xadrez vermelha, usam cocares e saiotes de pena, pulseiras e colares e se armam de arco e flecha. Os caboclinhos formam um grupo disciplinado, todos em fila dupla comandados pelo “chefe” (cacique), enquanto os lambe-sujos, debochados, saem correndo pelas ruas, sob o ritmo agitado da batucada e sujando pessoas que não ofertem algum dinheiro.

É essa importante manifestação cultural que o fotógrafo Márcio Garcez, com muito conhecimento de causa e identidade, documenta, através de suas lentes. Márcio nasceu em Aracaju, em 1970, onde também se graduou em Comunicação Social pela Universidade Federal de Sergipe. Em 1997, foi eleito presidente da Associação Sergipana dos Amigos da Fotografia. Também foi membro da comissão de Fiscalização e Registro do Sindicato dos Jornalistas de Sergipe e ex-diretor de Comunicação e Eventos da Associação Profissional dos Repórteres Fotográficos e Cinematográficos de Sergipe.

Márcio possui fotos publicadas em diversas revistas do país, como a Isto é Gente, Época, ou as das editoras Abril e Ática; em jornais como Folha de São Paulo, Valor Econômico, Zero Hora e Correio Braziliense; em trabalhos de editoras como Companhia das Letras, Trip e Saraiva. Em Sergipe, entre outras empresas, prestou serviços para a Petrobras, Banese e para o Grupo Samam. Atualmente trabalha como fotógrafo das atividades do parlamentar João Daniel, em Brasília, e desenvolve ainda trabalhos autorais em diferentes estilos fotográficos.

O Memorial TJDFT – Espaço Desembargadora Lila Duarte foi inaugurado em 19 de abril de 2010, durante as comemorações do cinquentenário do Tribunal. O espaço abriga documentos, processos históricos, fotos e peças que remetem à trajetória do TJDFT desde a sua criação até os dias atuais. O Memorial é vinculado à 1ª Vice-Presidência, coordenada pela desembargadora Carmelita Brasil, e está localizado, no 10º andar do bloco A, ala A, do Fórum de Brasília. O Memorial funciona de segunda a sexta-feira das 12h às 19h e abre seu espaço para visitas espontâneas e monitoradas. Para tanto, basta entrar em contato pelo e-mail [email protected] ou pelos telefones (61) 3103-5894/5893/5863.

Atualizado em 24/11/2015 – 10:12.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana