Em dezembro

Jardim Zoológico de Brasília ganha linha de ônibus integrada ao metrô

Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Nos fins de semana e nos feriados de dezembro, quem quiser visitar o Jardim Zoológico de Brasília poderá usar o Bilhete Único em uma linha exclusiva de ônibus que circulará da Estação Asa Sul até o parque, e fará o trajeto de volta.

A viagem custará R$ 5, e os passageiros que optarem por essa integração terão direito ainda à meia-entrada, de R$ 5 — caso não se enquadrem nas gratuidades garantidas por lei (crianças com menos de 5 anos e pessoas com deficiência).

De acordo com o diretor-técnico do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), Marcio Antonio de Jesus, as pessoas poderão ter acesso à linha do zoológico por meio metroviário e rodoviário, já que há linhas de ônibus que circulam próximo à Estação Asa Sul.

“Se o cidadão pega um ônibus de qualquer região administrativa que passe em frente à estação, ele pode usar a linha do zoológico. Se ele tiver o Bilhete Único, só paga a diferença até completar R$ 5 (valor limite) para o trajeto”, exemplificou.

Como é possível chegar à estação de carro ou a pé (para quem mora perto), o passageiro que precisar apenas da linha especial vai pagar R$ 2,50 pela viagem e também terá desconto no ingresso do zoo.

Com o preço promocional da entrada, os visitantes que optarem pelo transporte público integrado nos fins de semana de dezembro pagarão no máximo R$ 15: R$ 10 para ida e volta e R$ 5 de entrada.

Os visitantes também poderão optar pela linha de ônibus do zoo nos feriados de Natal (25) e ano-novo (1º de janeiro), já que o parque funcionará normalmente nessas datas.

A estação estará fechada nesses dias, mas quem for de ônibus para o terminal de metrô, por exemplo, poderá usar a linha especial.

Programação de aniversário de 60 anos do Zoológico de Brasília

Disponível a partir deste sábado (2), a novidade abre as comemorações dos 60 anos do parque e é resultado de parceria entre a Fundação Jardim Zoológico de Brasília, a Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) e a Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF).

Segundo o diretor, o ônibus estacionará dentro do zoológico, o que será uma alternativa para as pessoas que quiserem evitar procurar por vagas. “Assim, também é feito o controle de meia-entrada para as pessoas que usarem o transporte público”, explicou.

Para o diretor-presidente do Zoológico, Gerson Norberto, além de estimular o público a conhecer o zoo e seus projetos, a iniciativa tem a finalidade de promover a sustentabilidade em todas as ações.

Segundo ele, essa é apenas uma delas e vai contribuir para reduzir cada vez mais o acesso de veículos automotores ao parque. “Esse é um modelo moderno e atual que fortalecerá futuras parcerias”, estima Norberto.

O Zoológico de Brasília fica na L4 Sul (Avenida das Nações) e abre de terça-feira a domingo e em feriados, das 8h30 às 17 horas. Os ingressos custam normalmente R$ 10 a inteira. Crianças de 6 a 12 anos, estudantes, pessoas com mais de 60 anos, professores e beneficiários de programas sociais do governo pagam meia-entrada (R$ 5).

Compartilhar