Curta nossa página

Cidades

Conheça alguns procedimentos estéticos que ajudam a adiar a cirurgia plástica

em

Muitas pessoas têm dúvidas de qual o melhor momento para se submeter a uma cirurgia plástica na região do rosto. Assim, acabam convivendo anos e anos com problemas que incomodam muito e atrapalham sua autoestima. Mas, os avanços dos tratamentos estéticos, e suas inúmeras possibilidades de aplicação, estão ajudando quem quer adiar a cirurgia plástica e conseguir ótimos resultados.

Segundo a cirurgiã-dentista, Ana Luiza Andrade, especialista em harmonização facial desde 2012, os tratamentos estão evoluindo com muita segurança e novas aplicabilidades. Hoje é possível, em grande parte dos casos, promover um ganho estético importante ao paciente. “Olheiras, bigode chinês, bichectomia, fio de sustentação, preenchimento, PRP, microagulhamento, redução de papada, podem ser tratados a nível ambulatorial, devolvendo ao rosto um aspecto belo e saudável”, explica.

Mas é claro que tudo deve ser avaliado com muito cuidado. “O paciente muitas vezes chaga ao consultório com ideias que não são indicadas para ele, e aí que pode estar o problema. Cada técnica tem uma função e alcança um determinado resultado, muitas podem ser aplicadas em conjunto, mas a pessoa, que faz qualquer tratamento, precisa realmente ter uma indicação para isso. A Bichectomia, por exemplo, só deve ser feita em pacientes com indicação e não de forma indiscriminada, só porque a pessoa quer um rosto mais fino. Tudo é um equilibro”, relata Ana Luiza.

Confira as técnicas:

Bichectomia – Um procedimento estético e ou funcional geralmente realizado em ambiente de consultório. É um procedimento estético e cirúrgico de pequeno porte que é realizado internamente na boca, com anestésico local, por meio de uma pequena incisão e que tem, por objetivo principal, a remoção de um acúmulo de gorduras das bochechas chamada de Bola de Bichat ou Corpo Adiposo de Bichat. “Uso a bichectomia naquelas pessoas que mordem constantemente as bochechas gerando aftas enormes e doloridas. Essa gordurinha tem uma função importante quando somos bebês: auxilia na sucção do leite materno. Passada essa fase, a gordura se mantém no rosto praticamente sem função. Mas vale ressaltar que a cirurgia é feita apenas para pacientes com indicação”, comenta a dentista.

Fios de sustentação – Eles têm sido utilizados com o objetivo de reposicionar a musculatura orofacial restabelecendo o seu posicionamento funcional e estético perdido ao longo dos anos por diversos fatores, como perda dos dentes, funções irregulares dos músculos da fala e de mastigação, perda dos tônus musculares causados pelo envelhecimento precoce ou natural, entre outros. Eles sustentam a musculatura, aumentam a produção de colágeno, melhorando assimetrias faciais e ou envelhecimento de face. É pouco invasivo, também feito em ambiente de consultório, com analgesia local.

Microagulhamento e Plasma Rico em Plaquetas – PRP – Os dois juntos são grandes aliados do cirurgião-dentista na harmonização facial. O Microagulhamento é uma opção de tratamento para várias disfunções estéticas da pele. O equipamento consiste em um rolo coberto por agulhas finas. É produzido em aço inoxidável cirúrgico e seu comprimento pode variar de 0,25mm a 2,5mm de diâmetro. O tratamento é realizado por meio da perfuração do estrato córneo, sem danificar a epiderme. “Esse processo permite a liberação de fatores do crescimento, que vão incentivar a produção de colágeno e elastina na derme papilar”, comenta a profissional.

Outra função da técnica é potencializar a permeação de princípios ativos cosmetológicos, uma vez que os microcanais facilitam a absorção do ativo, aumentando a penetração de moléculas maiores em até 80%. A ação combinada do microagulhamento e de ativos cosméticos pode potencializar os resultados desejados. É aqui que o PRP entra. Ele auxilia na cicatrização natural por conta dos vários fatores de crescimento.

“A técnica de microagulhamento se mostra eficaz em diversos tratamentos estéticos, seja pela permeação de ativos ou pela estimulação de colágeno, quando este é usado isoladamente. A associação da técnica com outros ativos proporciona a otimização dos resultados, sem contar a fácil aplicação”, conclui Ana Luiza.

Preenchedor – Ácido Hialurônico – O ácido hialurônico é uma importante substância utilizada na harmonização facial para melhorar aquelas regiões do rosto que parecem estar com algumas “depressões”, como o famoso bigode chinês. Pode ser aplicado, também, no preenchimento labial, correção de marcas de expressão, olheiras, entre outros.

Atualmente, também é muito utilizado para rinomodelação. O procedimento não-cirúrgico, permite uma modelação do nariz, deixando-o mais harmônico e equilibrado, corrigindo por exemplo a ponta do nariz caída, refinar o nariz, dando a aparência de mais estreito, ligeiras depressões e assimetrias que podem ocorrer após intervenção cirúrgicas.

“São necessárias de 3 a 4 sessões, mais ou menos, dependendo de cada caso. O método só pode ser aplicado quando já tiver ocorrido o crescimento completo da face. Comecei a trabalhar com rinomodelação há algum tempo, por isso acompanho os resultados alcançados e a total segurança do tratamento”, explica Ana Luiza.

Redução da Papada – A redução enzimática de papada (lipo de papada) é um procedimento de estética orofacial, minimamente invasivo, sem corte e sem dor, que visa reduzir medidas e acabar com a gordura localizada na região do pescoço. A Lipoplastia é uma lipoaspiração precedida da aplicação de um laser na região, que atua da seguinte forma:

  • Promove a lipólise, quebra da gordura, facilitando a retirada da gordura. Assim, a recuperação é mais rápida no pós-operatório.
  • Ajuda na cauterização dos vasos sanguíneos, o que diminui o sangramento e a presença de equimoses (manchas roxas) no pós-operatório.
  • A ação do laser na pele estimula a produção de colágeno. O processo inicia–se a partir da terceira semana depois da cirurgia e pode durar até 3 meses, levando a uma retração de pele, o que melhora a flacidez da região.
  • Quando aplicado no pós-operatório, o laser também ajuda a diminuir o inchaço da região.

Botox – A toxina foi aprovada para uso estético, em 2002, pela Food and Drug Administration (FDA), nos Estados Unidos. Ela atua bloqueando a liberação de um neurotransmissor chamado acetilcolina, que interfere na capacidade de contração muscular. “Eu consigo diminuir a contração muscular de alguns músculos que possam estar interferindo nas funções mastigatórias, bem como na estética do sorriso, o que ajuda a minimizar aquela expressão de ‘boca triste’ ”, explica Ana Luiza.

Continuar lendo
Publicidade
Comments

Cidades

Moradores de Sobradinho II recebem 815 escrituras

em

Publicado por

Dênio Simões/Agência Brasília

Moradores de Sobradinho II receberam nesta segunda-feira (25) 815 escrituras da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab).

Com a entrega de hoje, foram distribuídas, em três anos e seis meses, 57.848 escrituras. O número aproxima o governo da meta de liberar 63 mil documentos do tipo até o fim de 2018.

Neste ano, também houve distribuição de escrituras nas seguintes regiões administrativas:

  • Ceilândia
  • Estrutural
  • Guará
  • Planaltina
  • Recanto das Emas
  • Riacho Fundo I
  • Riacho Fundo II
  • Samambaia
  • Santa Maria
  • São Sebastião
  • Varjão

As entregas fazem parte do processo de regularização fundiária no DF e do Lote Legal, um dos eixos de atuação do programa Habita Brasília.

“Sabemos que a escritura traz segurança jurídica, tranquilidade e valorização do patrimônio. Estamos fazendo entregas em todas as regiões, além de promover a venda direta em condomínios”, disse o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, durante a cerimônia nesta manhã.

Continuar lendo

Cidades

Virada do Cerrado 2018 começa na sexta-feira, 29 de junho

em

Publicado por

Divulgação

A partir de sexta-feira (29), diversas regiões administrativas de Brasília receberão atividades da Virada do Cerrado 2018. A edição deste ano tem como tema central Coleta Seletiva e Gestão de Resíduos Sólidos.

Haverá ações socioambientais, educativas, esportivas e culturais. A ideia é fortalecer a coleta seletiva para melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos galpões de triagem e possibilitar a inclusão de mais catadores de materiais recicláveis no processo.

Entre os destaques da programação está a 5ª Caminhada nos Parques do DF, que ocorrerá simultaneamente em diferentes unidades de conservação. A ação será em 1º de julho, com saída às 8 horas.

Além disso, em Ceilândia, na sexta (29), um trabalho de reeducação ambiental será feito de porta em porta, no Trecho 2 do Sol Nascente.

Na mesma data, no Guará, uma unidade móvel da organização não governamental Programando o Futuro receberá lixo eletrônico na QE 38, das 9 horas às 16h45.

Também na sexta, na Fundação Jardim Zoológico de Brasília, das 8h30 às 17 horas, cerca de 300 alunos da rede pública participarão da atividade Coleta Seletiva é o Bicho, que propõe contribuir com a sensibilização sobre o tema.

No Viveiro Comunitário do Lago Norte, no sábado (30), das 8h30 às 13 horas, serão ofertadas oficinas de compostagem e de iscas para abelhas com garrafas PET.

Também no dia 30, no Noroeste, uma série de atividades sobre a importância da coleta seletiva ocorrerá das 15 horas às 17h30, no estacionamento da Quadra 111 e na área comum dos Blocos A e B da CLWN 10/11. Haverá atividades para moradores, síndicos, comerciantes e público em geral.

O que é a Virada do Cerrado

A Virada do Cerrado é um programa colaborativo promovido pela Secretaria do Meio Ambiente em parceria com instituições públicas e privadas.

A ideia é promover a educação ambiental da população e estimular parcerias e conexões entre diferentes atores sociais para o desenvolvimento sustentável das cidades.

Neste ano, a Virada do Cerrado encerra as atividades do Junho Verde, em alusão a 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente.

Continuar lendo

Cidades

Campus Party terá 300 horas de conteúdo em cinco dias

em

Publicado por

Pedro Ventura/Agência Brasília

De quarta-feira (27) a domingo (1º de julho), Brasília recebe a Campus Party. Os cinco dias abrigarão mais de 300 horas de conteúdo, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Serão três espaços: Arena, Camping e Open Campus. O terceiro é aberto ao público, enquanto os outros dois são pagos — o primeiro tem o palco principal, e o segundo é o local de acampamento dos campuseiros.

Em vistoria ao local, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, destacou o interesse do público pelo evento. “É para conhecer e produzir inovações tecnológicas, participar de hackathon [maratona de programação], entre outras atividades”, afirmou.

A estrutura para receber o evento está com 70% de conclusão.

“As áreas que demandam credenciamento e ingresso terão os palcos, as principais palestras. A área open é a que o grande público visita, onde estão robôs, drones, simuladores”, explica o secretário-adjunto de Ciência e Tecnologia, Marcelo Chubaci.

Entre os palestrantes estão:

  • Chance Glasco, cofundador da desenvolvedora de games Infinity Ward, responsável pela franquia Call of Duty
  • Frank Karlitschek, nome relevante do software livre, com projetos de armazenamento e compartilhamento de informações para os consumidores (ownCloud e Nextcloud)
  • Alexandre Ferreira, inventor da Casemonstro, com um jeito lúdico de educar, por meio de palestras e oficinas de robótica.

A programação conta ainda com a hackaton, maratona hacker que reúne programadores, designers, profissionais da comunicação e de desenvolvimento de software e o Fórum Cidades Inteligentes — o tema dessa Campus Party é Parques Tecnológicos e Cidades Inteligentes.

O que é a Campus Party

A Campus Party, que estreou em Brasília em 2017, conta com mais de 540 mil campuseiros cadastrados em todo o mundo.

Já ocorreram edições em países como Alemanha, Argentina, Colômbia, Espanha, Holanda, México, Panamá e Reino Unido.

A iniciativa está presente no Brasil há dez anos e, em 2018, terá edições em São Paulo, no Rio Grande do Norte, em Brasília, na Bahia, em Rondônia e em Minas Gerais.

Continuar lendo
Brasília, 25 de junho de 2018

Publicidade
Publicidade
Publicidade