Curta nossa página

Veículos

Perua Audi A6 Avant chega alongada à nova geração

em

Divulgação/Audi

A perua Audi A6 Avant chega à nova geração mais comprida e espaçosa. Com a plataforma modular MLB Evo, o modelo agora tem porta-malas de 565 litros – ou 1.680 litros, com o banco traseiro rebatido.

Já as dimensões são 4,94 metros de comprimento, 1,89 metro de largura e 1,47 metro de altura.

O veículo se apresenta com faróis de LEDs, grade hexagonal ampla e maiores entradas de ar nas laterais da dianteira. Já as lanternas traseiras foram alongadas.

A perua passa a ter coluna traseira mais inclinada, deixando a aerodinâmica mais eficiente, de acordo com informações da Audi.

A nova A6 Avant traz, em todas as versões, um sistema elétrico de 48 volts, que aumenta a eficiência e reduz o consumo de combustível, também conforme informações da fabricante.

Na versão 55 TFSI, o motor é o 3.0 V6, que gera 340 cv. Na configuração 50 TDI (a diesel), também é 3.0 V6, mas com 286 cv de potência.

Há também uma versão com o motor 3.0 V6 TDI menos potente, com aproximadamente 230 cv. A Audi estuda ainda utilizar um 2.0 TDI numa futura opção de entrada. Esse propulsor gera 204  cv. Todas as versões possuem transmissão automática de oito marchas.

Cabine – No interior, a perua Audi A6 Avant tem três telas. Além do Audi Virtual Cockpit (painel de instrumentos virtual) de 12,3 polegadas, o modelo passa a ter uma central multimídia com monitor de 10 polegadas e outra, separada no console, para o sistema de climatização, que tem três zonas de temperatura.

Continuar lendo
Publicidade

Veículos

Citroën pode trazer novo C5 Aircross para o Brasil

em

Publicado por

Divulgação/Citroën

A Citroën poderá vender ou até mesmo produzir o novo C5 Aircross no Brasil. A indicativa foi dada com o registro da patente do modelo pela fabricante no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), conforme noticiou a Revista Autoesporte.

A montadora já está preparando a produção do C4 Cactus em Porto Real (RJ). Com o C5 Aircross, seria a segunda ofensiva da marca no mercado de SUVs no País.

Porém, nem sempre a patente garante a venda ou a fabricação de veículos. O C3 Aircross, por exemplo, foi registrado no INPI e mais tarde descartado para o Brasil. Em geral, as montadoras se antecipam em registrar para evitar problemas de domínio industrial sobre o seu próprio projeto.

Se confirmado para o mercado brasileiro, o carro deverá receber um motor 1.6 THP de 165 cv de potência e 24,5 mkgf de torque, com câmbio automático de seis marchas. Em outros países, o modelo deverá ter uma versão híbrida plug-in em breve.

Continuar lendo

Veículos

Volkswagen Amarok V6 ganha versão com 271 cv

em

Publicado por

Divulgação/Volkswagen

A Volkswagen divulgou uma novidade para a Amarok V6 na Europa. O modelo vai ganhar uma versão mais potente com o motor V6 turbodiesel que vai chegar aos 271 cv.

O motor 3.0 V6 turbodiesel agora rende 258 cv e 59,1 mkgf. Com a função overboost ativada, o propulsor chega aos 271 cv. A transmissão automática de oito marchas foi mantida, assim como a tração integral 4motion com reduzida.

Na Europa, o consumidor que desejar a nova motorização, apimentada por assim dizer, poderá optar por duas opções de acabamento: Highline e Aventura. Entre as exclusividades da versão estão as rodas de 20 polegadas com acabamento escurecido, um santantônio esportivo, faróis bi-xenônio e LEDs diurnos de série.

Por dentro, os bancos são de couro napa, enquanto o acabamento das colunas e teto é na cor preta. Há um tom de verde para a carroceria que é exclusivo da versão. As outras opções são o azul e o cinza.

Continuar lendo

Veículos

Chevrolet S10 ganha edição especial Midnight

em

Publicado por

Divulgação/Chevrolet

A Chevrolet deu início à série Midnight Edition no Brasil com o lançamento da S10 Midnight. O apelo dessa edição está no acabamento todo preto, inclusive na gravata que é o logotipo da marca e que normalmente é dourada. Outros modelos serão lançados nos mesmos moldes no futuro.

Segundo a montadora, o acabamento todo escurecido visa agradar aos consumidores que gostam de um visual personalizado, como os que de dedicam ao tuning. Por dentro, o acabamento do teto e das colunas também vem na cor preta, assim como os bancos.

O nome da edição vem gravado em uma plaqueta, próxima das maçanetas no lado de dentro da cabine. Além disso, o logo está fixado na tampa da caçamba e também nas portas dianteiras.

Potência e preço – O trem de força é o 2.8 turbodiesel de 200 cv com câmbio automático de seis marchas e tração 4×4 com reduzida. De série há controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa e central multimídia com integração a Apple CarPlay e Android Auto. O sistema de concierge e rastreamento, OnStar, segue disponível.

Sem divulgar preços, a GM afirmou que o modelo ficará entre as versões intermediárias LT e LTZ. Isso significa um valor entre R$ 154 mil e R$ 176 mil, respectivamente. A picape chega às lojas no final de abril.

Continuar lendo
Publicidade
Publicidade