Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Saqqara

Egito descobre mais 100 sarcófagos selados e 40 estátuas de 2.500 anos

Redação

Publicado

Foto/Imagem: Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito


O Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito anunciou a descoberta de 100 sarcófagos selados e 40 estátuas no sítio arqueológico de Saqqara.

Os sarcófagos coloridos e selados, com mais de 2.500 anos, foram retirados de três diferentes poços da necrópole Pharaonic.

“Saqqara é tão importante quanto as Pirâmides de Gizé, pois abriga a primeira pirâmide em degraus do mundo”, afirmou El Enany, ressaltando ao jornal Egypt Today que este é o terceiro ano em que o Egito anuncia descobertas arqueológicas na região.

Os arqueólogos descobriram uma múmia bem conservada embrulhada em tecido e, mais tarde, fizeram um raio X para identificar sua idade, sexo e a forma como foi conservada.

Os sarcófagos recém-descobertos estão em boas condições e nunca tinham sido abertos. Eles foram feitos paras sacerdotes da 26ª Dinastia e figuras importantes do país.

No mesmo local, foram descobertas diversas estátuas de madeira e máscaras coloridas e douradas.

Desde setembro, especialistas em antiguidades encontraram cerca de 140 sarcófagos selados, apresentando múmias dentro de quase todos eles.

O sítio de Saqqara faz parte da necrópole localizada na antiga capital do Egito, Memphis, que inclui as famosas Pirâmides de Gizé.

As autoridades egípcias colocaram em exposição descobertas arqueológicas na esperança de impulsionar a indústria turística do país, que foi duramente atingida pela revolta de 2011, que resultou na remoção de Hosni Mubarak, e pela pandemia da Covid-19 neste ano.

Publicidade
Comentários
Publicidade
Publicidade

Copyright © 2015-2020 AVB - AO VIVO DE BRASÍLIA - Todos os Direitos Reservados. CNPJ 28.568.221/0001-80 - Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços de notícias de agências nacionais e internacionais, assessorias de imprensa e colaboradores independentes. #GenuinamenteBrasiliense