Curta nossa página

Economia

Dólar cai e Bolsa fecha no maior nível em quase cinco meses

Redação

Publicado

bolsa de valores
Foto/Imagem: Paulo Whitaker/Reuters


Segue a gente no
Google News

Em dia de alívio no mercado financeiro global, a bolsa de valores fechou no maior nível em quase cinco meses. Em queda pela segunda sessão seguida, o dólar comercial fechou abaixo de R$ 5,20.

O Ibovespa, o principal índice da B3 (a bolsa de valores brasileira) subiu 2.05% e fechou esta segunda-feira (27) aos 104.477 pontos. O indicador está no maior nível desde 4 de março, quando tinha encerrado aos 107.224 pontos.

No mercado de câmbio, o otimismo repetiu-se. O dólar comercial encerrou esta segunda vendido a R$ 5,158, com recuo de R$ 0,049 (-0,94%). A divisa refletiu as expectativas em torno de um novo pacote de estímulos nos Estados Unidos. Em julho, o dólar cede 5,18%, a caminho da maior queda mensal de 2020. No ano, porém, sobe 28,54%.

Novo pacote

Nesta segunda, senadores republicanos corriam para concluir os detalhes de um pacote de US$ 1 trilhão elaborado com a Casa Branca e esperado para ser divulgado no final do dia. Nesta semana, expira o prazo de muitos benefícios concedidos nos últimos meses em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

A proposta de ajuda, que poderia envolver uma redução no subsídio semanal de emergência federal de US$ 600 dólares para US$ 200, precisaria ser negociada com os democratas.

Após o fechamento do mercado, o líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, disse que o pacote abordaria saúde, escolas e incluiria pagamentos diretos aos norte-americanos no valor de US$ 1,2 mil cada.

O mercado também espera a reunião do Federal Reserve (Banco Central norte-americano) que ocorrerá nesta terça (28) e quarta-feira (29). O banco pode zerar ou reduzir os juros básicos da maior economia do planeta, atualmente em 0,25% ao ano. O aumento de casos de Covid-19 nos Estados Unidos e a tensão entre o governo de Donald Trump e a China ficaram momentaneamente em segundo plano.

Publicidade

Segunda a sábado

Lotofácil terá 6 sorteios semanais a partir de segunda, 3 de agosto

Redação

Publicado

Por

Redação
lotofácil
Foto/Imagem: Aniele Nascimento

A Lotofácil, a segunda loteria mais vendida pela Caixa, terá novidades para os apostadores, a partir da próxima segunda-feira (3). Os sorteios passarão a ter periodicidade diária, de segunda-feira a sábado. Até então, a Lotofácil era sorteada às segundas, quartas e sextas.

Outra mudança na modalidade é a premiação adicional aos concursos de final 0. A distribuição dos valores destinados à premiação ficará assim: 62% do total será destinado aos acertadores de 15 números (principal faixa de premiação); 13% será para a segunda faixa, ou seja, para quem acertar 14 números entre os 15 sorteados; 10% será destinado para os concursos de final 0 e os 15% restantes ficam acumulados para a primeira faixa – 15 acertos – do concurso especial realizado em setembro de cada ano, a Lotofácil da Independência.

O primeiro concurso com final 0 a ser sorteado após a implementação das alterações será o de número 2010, previsto para ocorrer no dia 13 de agosto.

Teimosinha e bolão

Um pouco antes disso, no dia 10 de agosto, também passam a valer novas alterações na Lotofácil, como a ampliação na quantidade de apostas múltiplas permitidas, a quantidade de Teimosinhas e a ampliação na quantidade de cotas por Bolão.

Atualmente, é possível apostar de 15 a 18 números dentre os 25 disponíveis no volante. Com a mudança, será possível marcar até 20 números por volante, aumentando a probabilidade de acerto.

O valor de uma aposta simples da Lotofácil, com 15 números, é de R$ 2,50. A aposta múltipla de 19 números vai custar R$ 9,6 mil e a de 20 terá o custo de R$ 38,7 mil.

Para quem quiser concorrer com os mesmos números em mais de um concurso, a Lotofácil também vai permitir uma quantidade maior de apostas no formato Teimosinha: poderão ser até 24 concursos, o dobro do que é possível atualmente.

Os apostadores que costumam fazer apostas em grupo por meio do Bolão Caixa também vão poder aumentar as chances de ganhar na Lotofácil: a quantidade máxima de cotas passa a ser de 100 por bolão. Os bolões têm preço mínimo de R$ 10,00, sendo que cada cota não pode ser inferior a R$ 3,00.

É permitida a realização de, no máximo, 10 apostas por Bolão, em caso de bolões com 15, 16, 17 ou 18 números. No caso de bolões com 19 números, o máximo será de 6 apostas por Bolão. Para bolões com 20 números só será possível a realização de uma aposta. Em caso de Bolão com mais de uma aposta, todas elas deverão conter a mesma quantidade de prognósticos.

Continuar lendo

Fim de agosto

Banco Central do Brasil anuncia lançamento da nota de R$ 200

Redação

Publicado

Por

Redação
banco central nota R$ 200
Foto/Imagem: Pixabay

A partir do fim de agosto, os brasileiros poderão circular com um novo tipo de cédula. O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou nesta quarta (29) a criação da nota de R$ 200.

A cédula terá como personagem o lobo-guará, espécie que ficou em terceiro lugar em uma pesquisa realizada pelo BC sobre quais animais em extinção deveriam ser representadas em novas cédulas. O anúncio foi feito pelo Banco Central (BC), que convocou uma entrevista coletiva para apresentar a nova nota.

A diretora de administração do Banco Central, Carolina de Assis Barros, disse que o lançamento da nova nota é uma forma de a instituição agir preventivamente para a possibilidade de aumento da demanda da população por papel moeda.

Segundo o BC, entre março e julho deste ano, um dos efeitos econômicos da pandemia de Covid-19 foi o aumento de R$ 61 bilhões no entesouramento de moeda, ou seja, notas que deixaram de circular porque a população deixou o dinheiro em casa.

De acordo com a diretora, não há falta de numerário no mercado, mas o BC entende que o momento é oportuno para o lançamento da nova cédula diante da possibilidade de aumento na demanda.

“Estamos vivendo neste momento um período de entesouramento, efeito derivado da pandemia. O Banco Central nesse momento não consegue precisar por quanto tempo os efeitos do entesouramento devem perdurar”, disse a diretora.

Em entrevista coletiva, Carolina também afirmou que a imagem da nota de R$ 200 ainda não está disponível porque está na fase final de testes de impressão. O lançamento está previsto para o final de agosto deste ano.

Segundo o BC, a tiragem em 2020 será de 450 milhões de unidades, equivalentes a R$ 90 bilhões.

Continuar lendo

Com autorização prévia

BB lança linha de antecipação de saque aniversário do FGTS

Redação

Publicado

Por

Redação
bb fgts
Foto/Imagem: Fabio Motta/Agência Estado

O Banco do Brasil lançou nova linha de crédito para trabalhadores que aderiram à modalidade de saque aniversário do Fundo de Garantia por tempo de Serviço (FGTS). Os trabalhadores que aderiram à modalidade de saque passam a ter a possibilidade de antecipar os valores previstos para saque anual no mês de aniversário, utilizando o saldo de sua conta FGTS como garantia.

A autorização prévia é indispensável para contratar a operação. O cliente deve concedê-la pelo App FGTS ou pelo site da Caixa Econômica Federal. Só a partir dessa autorização é que o BB pode consultar o saldo e fazer o bloqueio do valor com vinculação ao empréstimo. O site da Caixa também disponibiliza os limites de valores por faixa de saldo, bem como as regras de adesão ao saque aniversário.

A linha de crédito permite antecipar até três anos dos recursos do saque aniversário do FGTS, tem valor mínimo por operação de R$ 1 mil e taxas a partir de 0,99% ao mês.

O cliente pode solicitar o empréstimo diretamente no App BB – Empréstimos >> Antecipe seus créditos >> CDC FGTS Saque Aniversário. A contratação pode ser feita também pela Central de Atendimento BB (0800-7294117 ou 4003-4117) e nas agências. A liberação do crédito em conta corrente ocorre após a reserva do saldo na conta do FGTS.

No último dia 23, a Caixa Econômica Federal também anunciou o lançamento da linha de crédito.

Continuar lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2015-2020 AVB - AO VIVO DE BRASÍLIA - Todos os Direitos Reservados. CNPJ 28.568.221/0001-80 - Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agências Internacionais, assessorias de imprensa e colaboradores independentes. #FakeNewsNão