Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Vencendo o vírus

Distrito Federal tem a menor taxa de letalidade por Covid do Brasil

Publicado

Foto/Imagem: Ueslei Marcelino/Reuters


O Distrito Federal é a unidade da Federação que apresenta a menor taxa de letalidade (1,57%) – número de óbitos em relação aos casos confirmados – por Covid-19 no país.

Os dados do Ministério da Saúde se referem ao dia 24 de maio e constam na sexta edição do Boletim Codeplan Covid-19, divulgado nesta terça-feira (26).

O maior número de óbitos, segundo o documento, ocorreu em Ceilândia, que registrou 22 mortes até o dia 24 de maio, seguida de Samambaia, com 11 mortes. Quando são analisados os casos em proporção, o Lago Sul lidera o número de contaminados, com taxa de 552,90 casos para cada 100 mil habitantes.

O presidente da Codeplan, Jean Lima, ressalta que o resultado mostra a eficácia das medidas de prevenção e combate. “Nós estamos tratando de um vírus muito contagioso, num cenário global de crescimento de casos, mas há êxito em curar as pessoas que foram contaminadas e preservar vidas, que é um trabalho feito diretamente pelas secretarias de Saúde e Segurança”, afirmou.

Houve uma mudança da ocorrência de mortes quanto à análise de gênero. Na última semana, houve aumento relativo do número de óbitos de homens em relação às mulheres, o que inverteu o cenário, e a taxa de letalidade entre os homens ultrapassou a de mulheres no Distrito Federal.

Em relação ao coeficiente de mortalidade – número de óbitos por 100 mil habitantes – caiu drasticamente no Distrito Federal, que ocupa o 17º lugar nacional, com uma taxa de 3,4 mortes.

Atualizado em 26/05/2020 – 18:31.

Publicidade

Se a Eleição fosse hoje, em quem você votaria para presidente?









Ver resultados


Carregando ... Carregando ...
Publicidade
Publicidade

Copyright © 2015-2021 AVB - AO VIVO DE BRASÍLIA - Todos os Direitos Reservados. CNPJ 28.568.221/0001-80 - Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços de notícias de agências nacionais e internacionais, assessorias de imprensa e colaboradores independentes. #GenuinamenteBrasiliense