Curta nossa página

112 Norte

Ayumi Doces do Bem: é possível comer doces saudáveis em Brasília

Publicado

Ayumi Doces do Bem
Foto/Imagem: Pedro Marques


Em julho de 2020, a estudante, Marina Ayumi, ao final da sua graduação, viu naquele momento, uma grande oportunidade de alcançar a tão sonhada autonomia financeira. Praticante de uma vida alimentar saudável e com suas próprias receitas por sentir falta de comer um doce gostoso sem açúcar, sem lactose e sem glúten, mas fora de casa, a empreendedora começou a fazer bolos saudáveis. Unindo o útil ao agradável e com uma demanda grande de encomendas, nasceu assim, a primeira loja, na 110 norte, da Ayumi Doces do Bem, em Brasília.



Pioneira nesta proposta na cidade, Marina explica o que a motivou. “Resolvi empreender nesta área, pois é algo que acredito. Eu vivo isso e toda vez que buscava comprar um doce sem açúcar, tinha lactose ou glúten, e o mais importante que fosse gostoso e com um sabor próximo dos doces tradicionais. Aqui no DF a gente carece desse mercado. Em outros lugares do Brasil, já existe esse ramo da confeitaria saudável, então fui a primeira a trazer esta proposta, doces gostosos, mas sem agredir a nossa saúde”, relembra emocionada.

A Ayumi Doces do Bem não usa nada de farinha de trigo, a base das massas é elaborada com farinha de amêndoas, farinha de aveia sem glúten, farinha de castanha de caju ou farinha de coco. Os doces são adoçados com stevia, em pouca quantidade. O chocolate das sobremesas é de origem vegana.

Diabéticos e celíacos podem consumir os doces sem nenhum risco à saúde, nem mesmo de contaminação cruzada. Inicialmente, a marca foi elaborada pensando em atender o público fitness ou público que tivesse algum tipo de restrição alimentar. Mas com o passar do tempo, Marina percebeu que a busca por esses doces contempla todos os tipos de pessoas, que se preocupam com a saúde. Logos, os produtos são elaborados para todos que gostam e apreciam doces.

O cardápio, totalmente variado, tem doces individuais, como o chocobites com seis sabores, que são os bombons mais famosos da casa. A confeitaria traz brigadeiros, brownies, cestinha de morango e a cestinha de uva, uma espécie de tartelete recheada com brigadeiro branco, além da famosa banoffe. Não poderia faltar os bolos no pote. Mas há opções um pouco maiores, como bolos que atendem entre três ou quatro pessoas, sobremesas na taça e bolos de 1 kg.

A nova loja foi recém-inaugurada no início de 2024, e o próximo passo é estruturar a Casa para que, em 2025, Brasília ganhe uma próxima unidade.

A médica e empresária defende a bandeira que é possível sim comer um doce saudável e sem culpa, e acima de tudo sendo muito gostoso. Sua formação como médica traz uma responsabilidade grande em suas produções.

Localizada na 112 norte, a confeitaria saudável é aconchegante e convidativa e com doces inclusivos. A casa está aberta de segunda a sexta-feira, das 10h às 19h e aos sábados, das 10h às 18h.

Atualizado em 11/06/2024 – 09:38.

Publicidade
Publicidade

Mais Lidas da Semana